<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=974250883405448&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
ECONOMIA CIRCULAR: CRESÇA DE FORMA SUSTENTÁVEL

News

,

Sustentabilidade

,

Economia Circular

ECONOMIA CIRCULAR: CRESÇA DE FORMA SUSTENTÁVEL

Techedge | Ago 02, 2021

Você sabia que só em 2019, cerca de 11 milhões de toneladas de lixo foram produzidas no Brasil, nos tornando o 4o. país que mais produz lixo no mundo.

Com este problema tendo escala global, governos internacionais se uniram para criar diversas medidas de contenção como, por exemplo, o Plano de ação para a Economia Circular, que visa o crescimento sustentável da União Europeia até estabilizar uma economia circular.

Mas afinal de contas... o que é Economia Circular? Continue lendo e confira!

1-sacola-reutilizável

 

Economia Circular e o Mercado

O conceito de economia circular vem ganhando cada vez mais espaço nos últimos anos, fruto de um novo mindset voltado para o desenvolvimento sustentável.

No modelo tradicional de economia linear, onde estamos inseridos atualmente, os recursos naturais são extraídos para se transformarem em produtos, sendo utilizados até serem descartados como resíduos. Dessa forma, a maximização do valor do produto está relacionada à quantidade extraída e posteriormente produzida.

Já no modelo de economia circular, vemos uma aproximação entre a produção e os ciclos dos ecossistemas naturais dos quais os seres humanos dependem para sobreviver, onde cada produto e serviço possui origem natural e, ao final de sua vida útil, retorna mais uma vez à natureza.

Assim, a economia circular requer a adoção de práticas sustentáveis pelas empresas, como reciclagem, instituição de políticas de resíduos sólidos e logística reversa, remanufatura, reutilização, compartilhamento de bens e etc.

Todas essas práticas devem, no entanto, revelar uma real mudança de mentalidade dos empresários, visando não apenas o lucro, mas a preservação do planeta e a obtenção de benefícios comuns.

 

3-economia-linear

 

A economia circular proporciona benefícios operacionais e estratégicos que visam a adoção de um modelo industrial regenerativo, agregando valor tanto para as empresas, quanto para a sociedade como um todo.

Em um contexto de negócios, podemos citar - por exemplo:

  • Aumento do potencial de crescimento econômico;
  • Desenvolvimento sustentável da economia;
  • Redução do custo dos insumos;
  • Criação de novas oportunidades de negócio.

Economia Circular como estratégia 

O resultado financeiro é necessário para a sobrevivência de qualquer negócio. Contudo, é preciso aliar a obtenção de resultados financeiros com esse novo modelo de economia circular.

A adoção do modelo pode reduzir os custos de produção através da utilização racional de insumos. Com isso, a lei da oferta e demanda é afetada, gerando uma tendência de efeito em cascata em todo o sistema econômico, aumentando o crescimento de maneira global.

A adoção da economia circular favorece a inovação e novas oportunidades de negócios e, consequentemente, de lucros.

Quais as tendências na Economia Circular?

 

2-economia-circular

 

O lucro é importante, mas não deve ser o único objetivo de uma empresa.

No atual cenário, cercado por mudanças e práticas de ESG cada vez mais necessárias, lucrar causando prejuízos às pessoas e ao planeta não é mais uma opção.

Ao trabalharmos com problemas como o aquecimento global e mudanças climáticas, somos forçados a repensar o atual modelo de desenvolvimento sustentável, gerando maior necessidade de mudança em todos os meios. O foco agora vai muito além das fontes renováveis de energia.

A sustentabilidade é vista de maneira ampla e é o centro das atenções.

Essa mudança de mentalidade, criou novas lógicas de negócios e um novo conceito de sucesso emergiu, baseado na união do lucro com valores como sustentabilidade e responsabilidade social.

Importante ressaltar que o conceito de economia circular envolve muito mais do que apenas "reciclagem" de produtos. 

O termo "economia net-zero" ganhou notoriedade, onde "net-zero" remete ao ponto de vista do planeta. Em outras palavras, significa passar de um modelo linear para um modelo circular.

Assim, este novo modelo exigirá que as corporações repensem seus processos em sua totalidade. Para reduzir a necessidade de matérias-primas e consequentemente o consumo global, as corporações devem redesenhar seus processos pensando na sustentabilidade. Elas devem redesenhar seus produtos de forma a permitir que componentes únicos do próprio produto possam ser recuperados e reutilizados.  

A economia circular acelera a mudança de mentalidade voltada para "possuir bens", transformando esta em uma mentalidade para "alugar", pois o "leasing" torna muito mais natural a ideia de compartilhar, reparar, reformar e recircular um produto.

Embora esses conceitos sejam intuitivos, esta abordagem tem um impacto profundo em todo o ecossistema de tecnologia.

O conceito remete a criação de uma cadeia de fornecimento circular, e incentiva o mindset do "produto como serviço". O objetivo de incentivar esse mindset é fazer com que os clientes passem a ter orgulho de “consumir” marcas consistentes e "sustentáveis".

A transformação da economia "linear" em "circular" demanda que o ecossistema empresarial, de fornecedores para clientes, seja altamente eficiente e conectado. Assim, as plataformas digitais e tecnologias emergentes são os caminhos viáveis para tornar isso possível.

Em uma economia net-zero impulsionada por uma abordagem "produto como Serviço", tudo é inteligente, com a tecnologia estando em toda parte. 

A adoção da Nuvem é o que torna estes novos modelos possíveis. Nenhuma empresa prosperará na "economia circular" sem estar profundamente alinhada com a transformação digital.

Como repensar meu modelo de negócios alinhando sustentabilidade e rentabilidade?

A economia circular está baseada no desenvolvimento de soluções inovadoras e no uso de plataformas de dados modernas.

Neste cenário, o Nimble Ripple Framework e a plataforma ESGeo da Techedge, ajudam a revisar os processos da empresa e seu modelo de negócio, bem como avaliar os produtos e serviços para alinhar às melhores práticas do mercado. Dessa forma, garantimos um negócio mais sustentável e preocupado com o futuro ao mesmo tempo que ganhamos competitividade e melhoramos a produtividade das organizações como um todo.

Todas as abordagens da Techedge tem como objetivo identificar novas oportunidades de negócio baseadas no conceito da economia circular a fim de alinhar sustentabilidade e rentabilidade.

Já identificamos, ao longo dos últimos anos, diversas empresas tradicionais que estão repensando os seus produtos e serviços. A marca americana de jeans Levi´ s, por exemplo, vem construindo na mente dos seus clientes o conceito de calças "Feitas para durar", no qual investe em produtos duráveis e atemporais e incentiva o uso de customizações para aumentar a vida útil de suas calças. 

A Nespresso, por outro lado, está pensando nos impactos que seus produtos têm no meio ambiente, e lançou recentemente uma máquina de cafés produzida 54% com plástico reciclado e com uma função de auto desligamento após 2 minutos sem utilização.

E quem disse que só empresas tradicionais estão se adequando? Muito pelo contrário. Existem empresas que são criadas baseadas no conceito de economia circular, como a Enjoei.com - uma plataforma para a venda e compra de produtos usados.

Acelere a evolução para um modelo circular na sua empresa com a ajuda da nossa equipe.

Estamos preparados para auxiliar na transformação digital do seu negócio como um habilitador de um novo modelo circular e garantimos eficiência e crescimento do negócio.

Quer saber mais sobre o assunto? Assine nossa newsletter!

New call-to-action

Inscreva-se!